AUTISMO
DISCUSSÕES E COMENTÁRIOS
Inicio | Temas

Musicoterapia e autismo . E preciso conhecer...


Data: 4/7/2002 comentário 1/75

Ola, sou estudante de musicoterapia e tia de uma crianca diagnosticada com Transtorno Invasivo do desenvolvimento confesso que fiquei surpresa com o que li na sessao Terapias nese mesmo site no refente a musicoterapia.
E claro que somente com uma leitura, a respeito dessa pratica nao sera suficiente um resultado plenamnente satisfatorio.Imagine se uma pessoa resolve fazer cirurgias com uma bagagem de leitura feita pela internet ...
Um professor de musica tambem nao estara apto a desenvolver tecnicas musicoterapicas pois a finalidade da educacao musical sera estetica, e a finalidade da musicoterapia sera permitir que o individuo se desenvolva com o facilitador- som, ritmo e musica -dentro de suas possibilidades.
Me coloco a disposicao para responder e esclarecer qualquer tipo de duvida e tambem indicar profissionais competentes com um trabalho reconhecido.
No Rio de Janeiro mais precisamente no CONSERVATORIO BRASILEIRO DE MUSICA,existe uma faculdade com formacao profissionalizante, atendimento musicoterapico social, e professores associados a Organizacao mundial de Musicoterapeutas que podem ajudar dando informacoes e atendimento!
PARABENS PELA INICIATIVA DO SITE!
Deixo meu email para quem quiser entrar em contato sodre.michele@bol.com.br
Beijos MICHELE


Data: 13/7/2002 comentário 2/75

Realmente somente com uma(s)leitura não é possível entender nem dominar nenhuma técnica e menos ainda aplica-la .
Quando a falta de terapeutas com a necessária qualificação e capacitação é generalizada a opção para os pais de autistas e de outros deficientes acaba sendo o improviso , a criatividade , as tentativas , que para sorte de nossos autistas , ocasionalmente produzem bons resultados .
Sabemos que a musicoterapia para o autistas é uma terapia que pode produzir bons efeitos . Infelizmente não sabemos nem como nem onde conseguir esta ajuda , seja nos grandes centros , seja no interior .
Seria muito bom conhecer bons profissionais e instituições que trabalham a musicoterapia com o autismo .
Para indicar profissionais , entre em Profissionais .
Para indicar centros de atendimento mande e-mail para autismo@mrnet.com.br .


Data: 30/7/2002 comentário 3/75

olá boa tarde!
estou a trabalhar com crianças autistas e gostava muito que me enviassem informação acerca da prática da Musicoterapia com estas crianças.
Aguardo resposta e obrigada.
Patrícia

patriciadamaso@portugalmail.com


Data: 15/10/2003 comentário 4/75

MUSICOTERAPIA NA EDUCAÇÃO ESPECIAL - MÓDULO I

De tanto procurar, acabei achando uma disciplina,Musicoterapia na Educação Especial: Uma Abordagem Interdisciplinar, oferecida pela Universidade Federal de Minas Gerais, criada quase que sob medida para nossas necessidades, digo, de pais de crianças com necessidades especiais.
O curso, digo, a clientela é formada por músicos, terapeutas(psicólogos, professores,T.O.s, etc...)e "engenheiro pai de autista".
Apesar de minha pobre formação musical, em duas aulas de curso já pude perceber o potencial da musicoterapia. Hoje, 14/10/03, fiz minha primeira tentativa, usando alguma técnica, tipo maracando tempo com um pé, depois com dois pés. Fiquei impressionado com a atenção, interesse e satisfação do Alexandre no início musical.
Eduardo HCS


Data: 8/5/2004 comentário 5/75

MUSICOTERAPIA NA EDUCAÇÃO ESPECIAL - MÓDULO II

Estou firme no módulo II, comprei um teclado, construi tambor, bastões, e outros, entrei para aula de teclado, voltei à minha flauta, e estou trabalhando com o Alexandre.
No mínimo, no mínimo, a música para o Alexandre serve como relaxamento antes dos exercícios escolares propriamente.

Eduardo HCS


Data: 11/1/2005 comentário 6/75

olá eu queria saber se o método TEACCH é utilizado pelos psicologos para tratr crianças com autismo?


Data: 13/6/2005 comentário 7/75

queria saber mais sobre esta disciplina na universidade de minas gerais.´qual curso??? psicologia? me informa disso, por favor. estou terminando psicologia e sou musicista tbm e pretendo trabalhar com autismo infantil. musicoterapia e autismo.

abraços.
gelidamanina@hotmail.com
Ana Catarina Leão P. Coelho


Data: 16/6/2005 comentário 8/75

Sou profª de ed. especial e estamos buscando alternativas para se trabalhar música e estilos de músicas p/ autistas.
Abraços.


Data: 30/6/2005 comentário 9/75

Show de Roqueiro

Por aqui, em SL, não temos musitcoterapeutas, apenas musicistas e é com o último que o Alexandre está sendo trab alhado para cantar. Já fazem uns 2 meses de aulas e muito pouco foi conseguido. Na última aula, segunda 27/06/05, ele pegou o microfone e cantou, gesticulou, encenou trechos dos filmes cujas músicas eram temas. Fez uma exibição de fazer inveja a roqueiro. Foi muito legal, entre risos e muita satisfação. Quase terminando a aula, ele parou, pegou um papel, colocou o CD de Guerra nas Estrelas, e foi desenhar a imagem que via com a música.

Eduardo HCS


Data: 15/9/2005 comentário 10/75

estou pretendendo realizar um trabalho sobre musicoterapia na ed. infantil gostaria de estar recebendo comentarios sobre o assunto.
Estou colhendo dados sobre o assunto para a monografia.

Cristina.
cristina.sequeira@terra.com.br


Data: 21/9/2005 comentário 11/75

Gostava de saber mais sobre Musicoterapia. em Educação Especial pois tirei curso de Musicoterapia e agora vou tirar Educação Especial.Meu e-mailé:anapierre@gmail.com
Muito obrigada


Data: 21/9/2005 comentário 12/75

Tenho alguma bibliografia k se calhar vai ajudar a realizar o trabalho sobre musicoterapia na educação infantil.
Aqui vai:BENENZON,Rolando O. - manual de Musicoterapia. Enelivros. Rio de Janeiro.1985.
FREGTMAN, Carlos - corpo,Música e Terapia. Cultrix. São Paulo.1989.
MOURA COSTA, Clarice - O despertar para o Outro: Musicoterapia. Summus. São Paulo. 1989.
Boa sorte Cristina e bom trabalho


Data: 29/5/2006 comentário 13/75

Sou estudante de psicologia no ispa e estou a realializar um trabalho sobre Musicoterapia no desenvolvimento afectivo, cognitivo e emocional de crianças Autistas. gostava que entrassem em contacto comigo caso tenham conhecimento de estudos empiricos feitos nesta area ...

O meu email é Vicente_lopes9@hotmail.com

MUIto Obrigado

RODRIGO ALVES


Data: 4/7/2006 comentário 14/75

Sou estudante de pedagogia,professora de uma APAE e tenho um primo autista de 3 anos,gostaria de receber informacoes a respeito da influencia da musica no trabalho com criancas autista com idade de 0 a 6 anos.meu e-mail:f.ludmila@ig.com.br

Muito obrigada ..........Ludmila Ferreira


Data: 5/8/2006 comentário 15/75

Olá! Sou pedagoga e faço um curso de pós graduação em arteterapia. Vou iniciar meu estágio numa instituição que atende crianças com autismo e eles me pediram um trabalho voltado para a música, como musicoterapia. Aguardo contatos pelo e-mail: sandrinha.angel@ig.com.br ou educ.sandra@gmail.com.br
Valeu!!!
Sandra Alves


Data: 13/3/2007 comentário 16/75

Sou mãe de uma criança especial, também gostaria de saber mais sobre musicoterapia, e como trabalhar com o meu filho nesse sentido, vendo que a musica acalma muito ele.
meu email;- silvanakiliam@hotmail.com


Data: 25/3/2007 comentário 17/75

Olá!! É justamente o que estou procurando... Faço duas faculdades, na de música e meu tema de TCC é "Música na Educação de Crianças Especiais" e na de pedagogia " Educação de Crianças Autistas"

Gostria de receber artigos ou qualquer outras informações sobre os temas. mariana.jvitoria@terra.com.br

Obrigada!! Mariana.


Data: 30/4/2007 comentário 18/75

Gostaria muito de saber se tem Pós Graduação em Arteterapia à distancia, por favor aguardo uma resposta. Obrigado!

tais_diniz_@hotmail.com


Data: 23/5/2007 comentário 19/75

gostaria de saber se tem curso a distancia de arteterapia e musicoterapia ,pois estou querendo trabalhar com meu sobrinho autista de 15 anos, e para isso preciso interagir com ele sou pedagoga e faço pós -em educação especial . meu e-mail maryjosefer@ig.com.br sou de Recife-Pernambuco.


Data: 16/7/2007 comentário 20/75

olá, sou o victor de Santos, SP... gostaria de conhecer dinâmicas de musicoterapia com autistas, pois trabalho na APAE- Cubatão, dando aulas de música para 190 alunos, cerca de 40 autistas. Obrigado.
vico_roxy@hotmail.com


Data: 24/7/2007 comentário 21/75

SOU HELINTON MARTINS DE PORTO AMAZONAS ESTOU COMESANDO AGORA ATRABALHAR COM ALUNOS ESPECIAL FALA SERIO SAO AS PESSOAS QUE EU SEMPRE QUIS TRABALHA


Data: 24/7/2007 comentário 22/75

olá, sou Micheline e estou pesquisando sobre crianças autistas e com sindrome de dow. Estou trabalhando como professora nesta área e me sinto um pouco perdida. Gostaria de dar o meu melhor, mas reconheço que só o amor não me torna suficiente apta para este cargo, preciso aprender muito mais.

meu email é:millypb2@hotmail.com

beijos


Data: 3/8/2007 comentário 23/75

Gostaria de ter informações sobre o trabalho d musicoterapi com autista, estou estagiando em escola para autista e será muito bom receber algumas contribuições


Data: 17/8/2007 comentário 24/75

Olá, gostaria de receber informações sobre o curso de arteterapia e musicoterapia a distancia.Agradeço.


Data: 8/9/2007 comentário 25/75

mirtes 8 9 2007 ribeirao preto estou muito felis o gui ja esta fazendo musicaterapia na unaerp e uma gloria de deus tenho fe que ele vai falar


Data: 18/9/2007 comentário 26/75

GOSTARIA DE SABER COMO TRABALHAR COM UMA CRIANÇA DE 7 ANOS QUE É AUTISTA.
E SE EM RECIFE EXISTEM ESCOLAS ESPECIALIZADAS PARA AUTISTAS. AGUARDO CONTATO. ATENCIOSAMENTE.
ANA
E-MAIL: anashamar@hotmail.com


Data: 7/11/2007 comentário 27/75

Bom dia!

Eu preciso demais saber se alguém algum tipo de material para me enviar, pois comecei a trabalhar com uma criança autista de 3 anos. Tenho certeza que vamos nos comunicar, assim como tenho certeza que a música irá nos aproximar.

Por favor, se você tem qualquer tipo de material, me escreva, pois quero conversar com você.

Obrigada

Angela

luamorena7120@hotmail.com


Data: 14/11/2007 comentário 28/75



Gostaria de saber se tem curso a distância como trabalhar com criança autista.
Favor entrar em contato através do e- mail. ritamfcb@oi.com.br

Obrigada.

Rita


Data: 21/11/2007 comentário 29/75

nao sei se sou autista
mas tenho muita dificuldade de fazer amigos.de conversar...
as vezes fico triste sem saber o por que
sinto que estou sozinho
me falta palavras em uma conversa
nao vou as festas e meus amigos me acham muito esquizito

aurielmo@hotmail.com
aurio_x@yahoo.com.br

orkut:
aurio assis


Data: 21/11/2007 comentário 30/75

Sou formado em Letras e estou em busca de um curso de musicoterapia que forneça bolsa de estudos (MASTER ou de graduação). Moro em Juiz de Fora - MG. Poderia me fornecer endereços?

Carlos Eduardo da Cruz Gomes
carloseduccgomes@gmail.com


Data: 22/2/2008 comentário 31/75

Olá Michelle, meu filho também foi diagnosticado no quadro Transtorno Invasivo do Desenvolvimento. Estou buscando profissionais / terapeutas de musicoterapia, pois ele ama música (instrumentos e cantar). Você disse que poderia indicar profissionais de qualidade. Por favor, se puder, quero receber as indicações: rubia.coimbra@terra.com.br

Muito obrigada,

Rubia.


Data: 5/3/2008 comentário 32/75

olá, meu nome é Ana Claudia,sou professora de crianças autistas e gostaria de saber algumas práticas sobre musicoterapia e autismo
email: aclaudia_melo@hotmail.com


Data: 13/3/2008 comentário 33/75

Olá meu nome é Solange, sou professora e trabalho com crianças autistas, vcs podem me dar informações sobre musicas atividades, etc..
Obrigada


Data: 19/3/2008 comentário 34/75

tenho um filho autista hoje ele vive uma vida muito melho de alguns anos atrais pois, cheguei a uma conclusaõ meu filho não nasceu autista ele adquiriu , sendo q ele em meados de 2003 para 2004 sofreu um crise convulsiva febriu q deixou rocho antes ja tinha tido um crise sem ficar rocho ,o q ele vou mais tarde a apresenta caracteristicas auitstica como perda da fala , muito hiperativo , movimentos esteriopatidos e outros , sendo q hoje ele teve avanso como se alimenta sozinho, perde o q quer como agua, biscoito etc somente não mantem dialogo com outras pessoas mais saber quando estão falando dele emfelismente minha cidade não tenhem ainda um trabalho somente para autista, sou um pai q tudo que vai melhorar meu filho eu tento , gostaria de receber informaçôes para estimula lo cada dia mais meu nome é lucivaldo , vivo em macapá- ap meu email é luci.bola@hotmail.com espero respota .


Data: 19/3/2008 comentário 35/75

tenho um filho autista hoje ele vive uma vida muito melho de alguns anos atrais pois, cheguei a uma conclusaõ meu filho não nasceu autista ele adquiriu , sendo q ele em meados de 2003 para 2004 sofreu um crise convulsiva febriu q deixou rocho antes ja tinha tido um crise sem ficar rocho ,o q ele vou mais tarde a apresenta caracteristicas auitstica como perda da fala , muito hiperativo , movimentos esteriopatidos e outros , sendo q hoje ele teve avanso como se alimenta sozinho, perde o q quer como agua, biscoito etc somente não mantem dialogo com outras pessoas mais saber quando estão falando dele emfelismente minha cidade não tenhem ainda um trabalho somente para autista, sou um pai q tudo que vai melhorar meu filho eu tento , gostaria de receber informaçôes para estimula lo cada dia mais meu nome é lucivaldo , vivo em macapá- ap meu email é luci.bola@hotmail.com espero respotas .


Data: 9/4/2008 comentário 36/75

Eu preciso demais saber se alguém tem condições de me enviar algum material , pois comecei a trabalhar com uma criança autista de 3 anos. Tenho certeza que vamos nos comunicar, assim como tenho certeza que a música irá nos aproximar.

Por favor, se você tem qualquer tipo de material, me escreva, pois quero conversar com você.
islainelaninha@hotmail.com


Data: 11/4/2008 comentário 37/75

NOSSA !!!!!!!!!!PRECISO DE SOCORRO!!!!!!!!!! GOSTARIA QUE ME AJUDASSEM A TRABALHAR COM MUSICAS COM CRIANÇAS COM TRANSTORNO MENTAL..............VOU AGUARDA......BRIGADU


Data: 13/4/2008 comentário 38/75

Recebi este ano,em minha sala de aula um aluno autista e preciso muiiiiiiiiiiito de sugestões de atividades para trabalhar com ele. Gostei da musicoterapia, mas não sei por onde começar. Por favor, me envie sugestões. Agradeço e tenham um ótima semana.Yêda
yedamarly@gmail.com


Data: 22/4/2008 comentário 39/75

Oi, meu nome é Luana e gostaria de receber todo e qualquer tipo de material
que me ajude nas aulas de musicalizacao de meu aluno de tres anos que é autista...meu e-mail é luanafrancisco@hotmail.com
mUITO OBRIGADA!!!!!


Data: 23/5/2008 comentário 40/75

Olá,
Tenho um sobrinho de 3 anos autista. Sou Pedagoga mas gostaria (e preciso) me aprofundar sobre o tema.
Tenho interesse em cursos a respeito do tema, musicoterapia e outros. Sou de Belo Horizonte/MG.
Se alguém souber de algo, gentileza entrar em contato.
Grata.
anacristina_jmelo@yahoo.com.br


Data: 27/5/2008 comentário 41/75

Data:27\05\08

Olá!
Sou professora formada em picicopedagogia e trabalho na APAE de minha cidade.Atendo um criança Autistaque nao fala,nao interage com nada,é hiperativo,enfim,para quem nao teve formaçao especifica na area é muito dificil trabalhar.Há momentos que nao sei o que fazer encontro muitas dificuldades .Gostaria de receber informaçoes de como trabalhar,que atividades poderiam ser desenvolvidas.O menino tem 10 anos e muito pouco atendimento pois nao temos escola especial para Autistas em nossa cidade.
Obrigada!
clarisetirelli@yahoo.com.br


Data: 7/9/2008 comentário 42/75

Olá. Sou professora de Ed. Musical e vou começar este ano a trabalhar com meninos autistas. Não tenho nenhuma experiência nesta área. Porém tenho trabalhado muito com bebés (música para bebés), crianças dos 3 aos 12 anos. Tenho algum receio de começar com esta nova experiência e gostaria que me enviassem tudo o que puderem para que eu tenha pelo menos um ponto de partida (actividades que podem ser desenvolvidas, materiais a utilizar, tipos de música....).
Vou trabalhar então com uma unidade de autistas do 1º ciclo.
Fico desde já agradecida e espero resposta.
carlacanto@gmail.com


Data: 5/11/2008 comentário 43/75

por favor gostaria de trocar ideia com mães de crianças autista acho muito importante para os pais quem se enteresar meu msn é adryana_aquino@hotmail.com,bjs...


Data: 16/11/2008 comentário 44/75

Boa Tarde
Senhores tenho um filho com Sindrome de Down e os especialistas recomendam-me fazer a musicoterapia dai o interesse em saber o que é a musicoterapia e como poderia ajudar meu filho.
Poderiam enviar-me informações
Obrigado
MEU E-MAIL ALEXSANDRA.SS@IG.COM.BR
Alexsandra


Data: 15/1/2009 comentário 45/75

olá, meu nome é Tiago Albuquerque e sou professor de musicalização para autistas ja à 5 anos aqui em Fortaleza, infelizmente nós não temos faculdade de musicoterapia aqui, porém, quería muito dicas de atividades musicoterapêuticas ou de dinâmicas onde se possa fazer uma terapia musical...
muito obrigado e meu email é:

tiagoalterna@hotmail.com


Data: 3/3/2009 comentário 46/75

Desejo saber em qual site consta a informação sobre algum curso a distância, que tenha MUSICOTERAPIA como disciplina, pois tenho grande interesse na matéria. Por favor, quem tiver este conhecimento, queira me responder para o meu e-mail particular: gnsunrise@yahoo.com.br colocando no assunto: MUSICOTERAPIA
Agradeço de todo coração a todos que se prestarem a me ajudar neste particular.
Gilberto Nunes
Garanhuns-PE.


Data: 6/3/2009 comentário 47/75

Musicoterapia
Por Lucy Santos

A musicoterapia é considerada uma ciência paramédica que estuda a relação do homem com o som/música. "A influência fisiológica e psicológica do som no cérebro traz inúmeros benefícios à pessoa".

A musicoterapia, através da pesquisa sobre a vida e o ambiente ao qual está inserido o paciente, busca identificar e equilibrar seu ritmo interno, para possibilitar uma melhora", explica. "Um bom exemplo é o que ocorre com crianças hiperativas, em geral com um ritmo interno bastante acelerado. Primeiramente, elas são tratadas com músicas em seu próprio ritmo, para depois, lentamente, ir buscando equilibrar esse som", explica Maristela. "Assim como em qualquer outro método terapêutico, não há prazo determinado para o tratamento, que vai depender da resposta do paciente", ressalta.

Gama de aplicações

Entre as inúmeras aplicações da musicoterapia, destaca-se o trabalho com pacientes portadores de deficiências físicas, como paralisia e distrofia muscular progressiva. As deficiências sensoriais (visual e auditiva) e as síndromes genéticas (Down, Turner e Rett) também contam com essa opção como tratamento complementar. Distúrbios neurológicos (lesões cerebrais, dislexias, disfonias, entre outros) e doenças mentais, como esquizofrenia, autismo infantil, depressões e distúrbio obsessivo compulsivo também podem se beneficiar com essa terapêutica. "A musicoterapia pode ser aplicada desde a vida intra-uterina, pois pesquisas provaram que o feto reage ao som e, por ser estimulado desde cedo, nasce com maior capacidade de desenvolver seu potencial", afirma Maristela.

As principais pesquisas sobre musicoterapia têm sido feitas em países como Estados Unidos, França, Alemanha, Noruega, Inglaterra, Itália e Argentina, onde o uso terapêutico da música é amplamente difundido. No Brasil, nos últimos dois anos, os benefícios dessa terapia têm sido mais amplamente aceitos por fisioterapeutas, fonoaudiólogos e psicólogos.

Sua aplicação tem ocorrido principalmente em entidades que trabalham com crianças portadoras de deficiência mental, como a Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de Barueri. "Esse trabalho começou a ser
realizado por uma de nossas fisioterapeutas com crianças portadoras de deficiência mental, visual e auditiva.

"A música relaxa e tranqüiliza as crianças. Vamos usar os recursos da musicoterapia para trabalhar os processos de linguagem. A percepção corporal através da dança também fará parte do processo terapêutico. Com isso, a criança passa a ter contato consigo mesma e com o outro, é uma forma de integrá-la ao meio", acrescenta a fonoaudióloga Adriana F. de Souza Aquino, uma das responsáveis pela elaboração do projeto.

Na educação, a musicoterapia pode auxiliar no desenvolvimento psicopedagógico e em dinâmica de grupo em sala de aula. É o que vem ocorrendo com os alunos da Escola Municipal de Educação Especial de Barueri, voltada para a alfabetização de crianças e adolescentes com deficiência mental leve e moderada. Desde o início deste ano, a disciplina Educação Musical passou a contar com recursos de musicoterapia. "Procuro sociabilizar o grupo através da música. A resposta das crianças é uma coisa incrível. Dentro de suas capacidades, elas cantam e dançam", explica Fernanda Rodrigues dos Santos, formada em Educação Artística, com habilitação em música, e pós-graduada em Musicoterapia.


Em busca da cura

Além da utilização da música como processo terapêutico, há correntes de estudiosos no assunto que voltam seus interesses para a ação curativa de determinado som. No livro O Poder Terapêutico da Música, do norte-americano Randall McClellan, o autor trata os efeitos da música sobre o indivíduo como um todo. Segundo ele, "toda música pode alterar de algum modo nosso estado de consciência. O que não foi ainda determinado é que tipo de música afeta nossa consciência e de que modo e, particularmente, que tipo de música é mais útil para provocar os estados mais desejáveis para fins de cura". As indagações de McClellan, doutor em Filosofia em Composições Musicais pela Eastman School of Music e também graduado no Cincinnati College Conservatory of Music, têm sido temas de inúmeras pesquisas realizadas principalmente nos Estados Unidos.
No Brasil, o interesse pelo assunto não é menor. Segundo levantamento realizado pela Apemesp, o país conta com cerca de 1500 profissionais com formação em musicoterapia.


Data: 11/3/2009 comentário 48/75

Também trabalho com um autista e já percebi que ele gosta muito de musica, de que maneira poderia trabalhar com ele de modo que toda a turma participasse? Sugestões de musicas e atividades. Port favor.
Obrigada desde já.
Tanis
tanisleir@terra.com.br


Data: 18/3/2009 comentário 49/75

cade as respostas destas perguntas?


Data: 23/6/2009 comentário 50/75

Desejo saber em qual site consta a informação sobre algum curso DE PÓS a distância, que tenha MUSICOTERAPIA como disciplina, pois tenho grande interesse na matéria. Por favor, quem tiver este conhecimento, queira me responder para o meu e-mail particular: ajps@bol.com.br

Grato,

Antonio - RJ


Data: 7/7/2009 comentário 51/75

Olá meu nome é Suellen, aproximadamente 2 semanas descobrimos que meu priminho de quase 3 anos é autista, ele não fala, (ainda não sabemos o Grau ou tipo de autismo) se alguém puder me enviar informações, AJUDE-NOS POR FAVOR, a nossa família está abalada coma notícia e não sabemos como ajudar ou mesmo o que fazer! trabalhar com musica, informações, tudo que possa nos ajudar.Ele mora com minha tia na cidade de SANTOS-SP, se alguém puder enviar informações, conversar sobre o assunto, agradeço!!!
Meu e-mail é: suellen_hutterer@hotmail.com


Data: 2/8/2009 comentário 52/75

meu filho tem 30 anos é autista, gostaria de mais informacões sobre o autista na fase adulta, está dificil controlar.
Meu e-mail é:isabel-coiado@hotmail.com


Data: 17/8/2009 comentário 53/75

Olá! Trabalho com Musicalização Infantil e tenho um sobrinho que apresenta sintomas de autismo. Gostaria de poder fazer alguma coisa por ele, mas não sei como começar, pois não tenho formação adequada. Ficaria muito grata se alguém me enviasse sugestões de atividades nessa área. Ele tem 03 anos e não ainda fala. Meu email é dgareis@uol.com.br


Data: 29/8/2009 comentário 54/75

Olá, me chamo Dayane e estou trabalhando com um autista. Li muito, fui a palestras, mas como todo conhecimento é bem-vindo, gostaria de receber opções de plano de aula e atividades a serem realizadas com crianças autistas.

Meu e-mail é dayanefeitosa@hotmail.com


Abraços,

Dayane


Data: 24/9/2009 comentário 55/75

OI MEU FILHO É HIPERATIVO E QUASE NÃO FALA, ELE GOSTA DE MÚSICA, NÃO SEI O QUE FAZER PARA AJUDA-LO QUE QUISER ENTRAR EM CONTATO COMIGO MEU MAIL É LAUDICEIAZL@HOTMAIL.COM


Data: 29/9/2009 comentário 56/75

Ola, sou professora de música (piano) e educação musical em todas as idades e anos lectivos, trabalho nesta área há 20 anos, mas neste momento tenho um grande problema, calhou me uma escola que tenho uma turma com 4 alunos com necessidades especiais graves e diferenciadas, estou meio perdida, pois pensei em trabalhar musicoterapia, se alguem souber de alguma bibliografia ou site onde eu possa encontrar actividades para esses alunos por favor enviem me,
leia_muzza@hotmail.com , aguardo ansiosa vossa colaboração...
Bjs amigos

PLEASEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE


Data: 16/10/2009 comentário 57/75

Ola,meu filho é autista ele tem 3 anos,ele foi diagnosticado como autista comportamental desde os 2 anos e 4 meses,faço tudo por ele,pra velo feliz,gostaria de saber como funciona e quais os beneficios da musicoterapia numa criança autista pois preciso conhecer,ele gosta muito de musica.Agradeço qualquer informaçao sobre o assunto..Sou de Fortaleza/CE

Meu email é: elaine_andresson@hotmail.com

Abraços,

Elaine Cristina


Data: 23/10/2009 comentário 58/75

ESTOU MUITO DIZISPERADA TENHO UM FILHO AUTITA E NAO TENHO AJUDA-LO GILENO@ CDLAJU.COM.BR


Data: 23/10/2009 comentário 59/75

estou desesperada meu menino tem 12 anos e é autista e tou presisando de ajuda para poder ajudar ele estou desesperada LUCIANE.JOIA@HOTMAIL.COM


Data: 26/11/2009 comentário 60/75

Depois de ler todos estes posts concluo que há muita gente que não sabe concretamente o que é a musicoterapia.
tal como o médico é que entende da saúde e o jurista de direito, só um musicoterapeuta poderá trabalhar verdadeiramente a musicoterapia com os portadores de autismo.

Eu sou musicoterapeuta português e trabalho já há 5 anos com autistas e multi deficientes. Se necessitarem de alguma formação poderão contactar-me.

toze.novais@hotmail.com
musica.aecs@gmail.com
+351969131536

Cumprimentos!


Data: 4/12/2009 comentário 61/75

BOA TARDE!!!
MEU NOME É DANIELA SOU ESTUDANTE DE PSICOLOGIA E ME INTERESSO MUITO QUANDO O ASSUNTO SE TRATA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL E MUSICOTERAPIA... DESCOBRI ISSO QUANDO ESTAGIEI NUMA INSTITUIÇÃO - APAE, E REALIZEI UM TRABALHO UTILIZANDO MÚSICA, NO CASO LEVEI UM VIOLÃO E TRABALHEI COM UM GRUPO DE CRIANÇAS ESTIMULANDO A FALA , PROCESSOS COGNITIVOS... TRABELHEI TAMBÉM COM CRIANÇAS AUTISTAS.ENFIM ADMITO QUE NADA SEI SOBRE MUSICOTERAPIA E SUAS TÉCNICAS, MAS TENHO MUITA CURIOSIDADE EM SABER E MUITO INTERESSE... CASO ALGUEM QUEIRA COMPARTILHAR COMIGO ALGUMA IDÉIA OU ATE MESMO SOBRE ALGUM CURSO Q POSSO ESTAR FAZENDO OU SAIBA DE UM LOCAL ONDE EU POSSA PESQUISAR DEIXO MEU CONTATO!!!!

OBRIGADO!!!
ABRAÇO!!!

EMAIL: dviplip_k@hotmail.com


Data: 20/12/2009 comentário 62/75

Parabens pela iniciativa de construir uma página relevante!
Deepois de 23 anos de sala de aula, pela primeira vez deparo-me com dois
alunos com grau de autismo, acentuado. Os comentários encontrados estão auxiliando o desenvolvimento do meu fazer pedagogico.
zaiu.s@hotmail.com


Data: 7/1/2010 comentário 63/75

Sou tia de um lindo menino autista de seis anos e estamos com muitas dificuldades com relação a sua alfabetização,aprendizagem,pois não temos escola preparadas para trabalhar autistas onde moramos,então gostaria de receber algumas orientações de atividades.


Data: 7/4/2010 comentário 64/75

costaria de informa ções sobre cursos para trabalhar co autistas. trabalho em uma APAE, sou profesora de música e tenho pós graduação em arteterapia. meu email é carlajk@viavale.com.br


Data: 1/6/2010 comentário 65/75

BOA TARDE,
COMO SOFREMOS EM VER OS NOSSOS FILHOS COM PROBLEMAS, PRINCIPALMENTE NUM MUNDO TÃO CONCORRIDO, TENHO UM FILHO COM 11 ANOS E ELE TEM UM PROBLEMA INCRIVEL SOBRE O APRENDIZADO, ELE APREDE UMA COISA, LOGO LOGO PERGUTO E ELE NÃO LEBRA DE NADA.QUERIA SABER SE O PROBLEMA DELE É AUTISMO OU OUTRO NOME CIENTIFICO QUE NÃO ENTENDO.ELE FAZ 6ªANO NUM COLÉGIO PARTICULAR EM FORTALEZA -CE EU QUERIA UMA AJUDA.
carlos.cavalcante@ibge.gov.br


Data: 6/7/2010 comentário 66/75

Preciso de material para autismo também! Sou educador musical mas de Jovens!
Por favor mandem para mag00fernandes@gmail.com

Obrigado!


Data: 6/8/2010 comentário 67/75


Gostaria que me enviassem sugestões que posso usar com crianças autistas em todas as idades. Sou educadora e necessito de suporte em relaçao a sugestoes de atividades. vlsena.prof@gmail.com

Obrigado!


Data: 7/8/2010 comentário 68/75

Gostaria que me enviassem sugestões que posso usar com crianças autistas em todas as idades. Sou educadora e necessito de suporte em relaçao a sugestoes de atividades. vlsena.prof@gmail.com


Data: 22/8/2010 comentário 69/75

Gostaria de receber algum material de musica(repertorio e como trabalhar)pois vou trabalhar com adultos portadores de deficiencia mental por favor e ajudemm!Meu imail é elisapenela@yahoo.com.br desde já agradeço!


Data: 26/9/2010 comentário 70/75

OI meu nome é Rafael e tenho um primo autista.
Gostaria de saber se tem alguma escola em Recife que trate de autismo.
Se alguem sober de alguma coisa porfavor entra em contato:
rafael.killua@hotmail.com

Obg.


Data: 2/10/2010 comentário 71/75

Eu tenho um primo autista e gostaria de saber se tem alguma escola que atenda crianças autistas em Pernambuco ou em Sergipe.
Minha tia está desesperada, pq os médicos trocam sempre de medicamento, ele está super agitado e ele ainda foi diagnosticado como hiperativo.
Meu e-mail : lennyflower@hotmail.com

Grata
Lenny


Data: 20/10/2010 comentário 72/75

71--8611-5111 suelioleal@hotmail, estes sao meus contatos para todo material e indicacao de fontes para que possa vir a estudar mas referente aos autistas farei minha monografia do curso de psicanalise em autismo dai a minha humilde solicitacao a estar em um congresso emsao paulo presenciei palestras sobre o autista e a musica dai descobri que a musicoterapia e parceira na construcao de envolvimento neste fascinante mmundo toco violino, tambor, atabaque entao me faco voluntaria e em troca so estarei tendo a oportunidade de crescer muito enqunanto profissional e ser humano. agradeco sou de SALVADOR -BAHIA qualquer instituicao daqui ou ONGS. podem entrar en contato . AUTISMO


Data: 15/1/2011 comentário 73/75

TENHO UM FILHO COM AUTISMO PRECISO MUITO DE AJUDA


Data: 23/8/2011 comentário 74/75

TENHO UM FILHO DE 2 ANOS E 11 MESES FOI A DOIS NEURO E ELES INFORMARAM Q MEU FILHO É AUTISTA TENTO CONSIGUIR VAGA EM DIVERSOS HOSPITAIS MAS NÃO CONSIGO PSICÓLOGOS E ELES NÃO TRABALHAM COM AUTISTA MORO NO JANGA NA CIDADE DE PAULISTA ESTOU MUITO ANGUSTIADA POIS ATÉ AGORA NÃO CONSEGUI TRATAMENTO PARA O MEU FILHO O QUE FAÇO PRECISO DE AJUDA, POIS TENHO MEDO DO QUE POSSA VIM ACONTECR POIS AGORA ELE É PEQUENO MAS PRECISA DE UM CUIDADO O QUE FAÇO PRECISO DE AJUDA.


Data: 22/6/2012 comentário 75/75

desejo saber se tenhe escolas para espectro autista. e node posso encontrar. tyenho um neto de 5 anos que desenvolveu aos dois anos e meio. como posso conseguir vaga no imip


Faça o seu comentário

Para validação, copie a palavra AUTISMO, exatamente como está escrita, no campo a seguir:









Esta página foi construída em 19/09/99, última atualização 20/03/2009.
Créditos: Eduardo Henrique Corrêa da Silva